quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

yoga para os pequenos

Beneficios da prática do yoga com as crianças O yoga é uma prática positiva na etapa de crescimento das crianças. Através do yoga, as crianças exercitarão sua respiração e aprenderão a relaxar, para enfrentar o estresse, as situações conflitivas, e a falta de concentração, problemas tão evidentes na sociedade atual. O yoga lhes ajudará no seu longo caminho até o domínio físico e psíquico. 1- Desenvolvimento e habilidade dos músculos motores.  2- Flexibilidade nas articulações.  3- Melhora dos hábitos posturais da coluna vertebral.  4- Massagem dos órgãos internos.  5- Melhoria nos hábitos da respiração.  6- Estimulação da circulação sanguínea.  7- Melhoria da auto-estima.  8- Diminuição no nível de estresse infantil.  9- Aperfeiçoamento dos sentidos.  10- Agilidade e integridade.  11- Calma e relaxamento.  12- Alongamento.  10- Melhor desenvolvimento da atenção, concentração, memória e imaginação.  11- Harmonização da personalidade e do caráter.  12- Canalização adequada da energia física.  13- Melhor compreensão e interação com os demais.Recursos e prática do yoga com crianças As aulas de yoga associam o trabalho corporal e mental. Tratando-se de crianças, a motivação é um fator muito importante. Em razão disso, é conveniente que em uma classe de yoga, não tenha mais que 15 crianças reunidas. As crianças devem sentir-se muito à vontade. Devem vestir-se com roupas folgadas, leves, confortáveis, e que lhes permitam fazer qualquer movimento com comodidade. As aulas devem ser ministradas em um ambiente limpo, tranquilo, ventilado e silencioso. Pode-se utilizar colchonetes ou almofadas apropriadas. E as crianças podem estar descalças ou com os pés vestidos com meias de algodão.  O yoga pode ser praticado a qualquer hora do dia, mas o melhor horário para sua prática é pela manhã. É recomendável que se evite a ingestão de alimentos sólidos duas horas antes da prática.A respiração do Yoga A respiração é uma parte integral do yoga. O inalar e exalar pelas narinas é essencial para que a criança possa estirar-se e obter o equilíbrio para começar a praticar as posturas. Uma vez que o grupo controle sua respiração, o professor começará com as posturas. O sentido das posturas, é, desde os órgãos exteriores, ir caminhando aos órgãos interiores. Com as crianças, as posições devem ser praticadas pouco a pouco. O ideal, no princípio, é que aprendam a respirar, relaxar, depois se concentrar. Para as crianças, o yoga deve ser praticado como uma brincadeira. Não se deve exigí-los que repitam uma postura várias vezes. Isso pode converter-se em algo chato. Deve-se variar as posturas e os movimentos, devagar, e a um ritmo em que os pequenos não percam a concentração. Como já dissemos, o ânimo e a motivação são cruciais neste sentido, além do respeito, a moderação, e uma atitude positiva e alegre também.

Ideal para o equilíbrio entre o corpo e a mente, a Yoga vem se tornando uma forma singular de manter a boa forma. Atualmente há várias modalidades desta atividade originária da Índia. Existe a Hot Yoga, a Runyoga  e, também, a *Flying Yoga*. Esta última versão é a união das posturas da Yoga com a movimentação acrobática nos tecidos, e é capaz de queimar 350 calorias. Quase circense, a Flying Yoga requer concentração e *equilíbrio*. Entre os benefícios desta Yoga estão: fortalecer os músculos do corpo, melhorar a flexibilidade, deixar a postura correta, desenvolver a força, flexibilidade, consciência, coragem e conexão, além de ser uma aula de respiração. De cabeça para baixo, com as pernas abertas, quase voando, enfim, esta novidade é um mix de *exercício *e brincadeiras. A Flying Yoga tem uma série de posturas que deixarão qualquer pessoa em forma. São elas: *Postura invertida:* ideal para alongar toda a coluna; *Cachorro:* parte posterior do corpo é alongada; *Postura arco:* alonga o abdome, peitoral, virilha e garganta. Melhora a respiração e trata a ansiedade; *Guerreiro:* modela as coxas e fortalece a flexibilidade do quadril; *Extensão e torção lateral:* alonga a perna, desenvolve o equilíbrio; *Ângulo sentado:* ajuda a alongar a coluna e os músculos da perna e maximiza a mobilidade do quadril; *Postura meia parada de mão:*fortalece os punhos, o abdome e os braços. Nos Estados Unidos, a Flying Yoga é realizada com a ajuda de outra pessoa e em algumas aulas não há o auxílio do *tecido*.